Os algoritmos são compostos por uma sequência finita de instruções definidas e não ambíguas. Agora pense comigo:

E se você tivesse esse mesmo poder na decisão de compra do seu cliente?

Assina a Netflix? Sabia que 75% das vezes é ela que escolhe o que você vai assistir?

Hoje, os supermercados dispõem de muitos canais para manter comunicação direta com o consumidor. Entre redes sociais e chats a atenção do cliente se torna cada vez mais disputada, e muitas vezes, até se dispersa no meio de tantos estímulos. Nesse sentido, o desafio do varejista é duplo: além de chamar a atenção é necessário manter-se no foco.

Agora, o comportamento do consumidor é muito emocional, então para conquistar sua atenção, o melhor é fazê-lo se sentir especial. Por isso não é com anúncios incessantes que você ganha a fidelidade deles, e sim, mostrando que conhece suas preferências e sabe como agradá-los.

Quando a Netflix te sugere um filme, não parece que ela conhece seus gostos e pode te indicar os melhores conteúdos? Acredite, levar uma experiência assim ao supermercado é capaz de encantar clientes a tal ponto, que eles mesmos passam a promover o estabelecimento.

Mas como conhecer todos os seus clientes e ser capaz de oferecer um tratamento personalizado a cada um?

Da mesma maneira que a Netflix é capaz de sugerir conteúdos específicos para cada um dos seus mais de 170 milhões de usuários. A resposta está nos algoritmos. Eles estão em várias tecnologias que fazem parte do nosso dia a dia, a Netflix, entretanto, é um sucesso em escala global, e os gigantes do varejo têm se espelhado nela para melhorar suas estratégias de CRM (Customer Relationship Management).

Basicamente, o que esses algoritmos fazem é rodar em plataformas que disponibilizam serviços ao usuário, como acervo virtual de filmes, séries e músicas, ou clubes de descontos para supermercados, como tem feito o Extra que, inclusive, lançou a seguinte campanha: “BAIXOU o app, BAIXOU o preço”.

Quanto mais o usuário utiliza esses serviços, mais alimenta os algoritmos que vai se tornando cada vez mais inteligente e capaz de fazer sugestões mais apuradas.

Portanto, ao disponibilizar uma plataforma online onde seus clientes possam fazer listas de compras, serem notificados sobre promoções, etc., você faz com que eles mesmos alimentem o algoritmo, que trabalhará transformando essas informações em recomendações de compra e promoções personalizadas que farão você vender muito mais!

Quer entender melhor sobre os algoritmos e como essa ferramenta pode alavancar o seu status de relacionamento com os clientes e disparar suas vendas?

Assine nossa newsletter

Assine a Newsletter

Digite aqui seu email e receba conteúdos exclusivos.

Leia também:

wms

Por que investir num sistema WMS?

Uma das formas de se obter diferencial competitivo num mercado atualmente tão acirrado é investir e otimizar os aspectos logísticos da empresa e isso é totalmente...

Continue Lendo
Gestão de estoque

Gestão de estoque ruim espreme margem de lucro de centrais de compras

Para centrais de compras, eficiência em gestão de estoque é essencial. No varejo de alimentos, as centrais de compras têm reagido melhor ao momento econômico, mas o...

Continue Lendo
Como calcular o preço de um produto

Como calcular o preço de um produto na sua indústria?

O lucro – ou razão de existir de uma empresa – depende dos orçamentos e, isso é o que determina como calcular o preço de um produto. Nas indústrias, a precificação de...

Continue Lendo

Copyright © 2017 Viasoft - Todos os direitos reservados.

Ligamos para você!

Informe seus dados e receba a ligação de um dos nossos especialistas nos próximos minutos.












Se você já é cliente e está procurando atendimento visite nossa Central de Atendimento, clique aqui.